27/07/2012 - Por Nicolas Iory  
  Um longo caminho para a Educação  
  Nicolas Iory
 
 
A população de Canudos Velho - vilarejo do município de Canudos – BA – sofre com a carência de serviços básicos no distrito. A região é uma das poucas que presenciou a Guerra de Canudos (1896 – 1897) e não foi inundada com a construção do açude de Cocorobó, concluída em 1969, o que obrigou a maior parte dos moradores da cidade a se mudarem para outros distritos de Canudos.

Esse isolamento faz com que os moradores do vilarejo busquem a maior parte dos serviços em distritos próximos: uma saga que faz parte da rotina dessas pessoas desde o ingresso na escola. Muitos estudantes acabam desistindo da formação escolar devido à necessidade de percorrer um circuito pela cidade.

A única escola da comunidade oferece o ensino até a quarta série. Após isso, os alunos precisam ir estudar em Bendegó, há nove quilômetros de distância. O ensino médio pode ser feito em Canudos Novo, que fica há cerca de vinte quilômetros. Lá, os estudantes poderão se formar em pedagogia: o único curso de nível superior oferecido pela UNEB (Universidade Estadual da Bahia). Para ter formação em outra área, o estudante tem a opção de viajar até o município de Euclides da Cunha, há setenta quilômetros de Canudos Velho.

Adailson de Santana, 30, é professor da Escola Municipal Alto Alegre há dez anos. Ele conta que a maioria das crianças frequenta a escola, mas nem todos tem interesse pelos estudos. “Muitas crianças perdem a vontade de estudar quando tem que ir até Bendegó. Lá elas começam a querer curtir e, como não tem dinheiro, acabam largando os estudos para trabalhar”, contou.

O estudante de pedagogia participante do Projeto Canudos 2012, Gabriele Marchegiani, acredita que falta empenho coletivo na educação dos jovens de Canudos Velho. “Muita gente quer um futuro melhor para as crianças, mas não há confiança. É preciso que a família e a escola façam projetos juntos para gerar uma expectativa positiva, porque esses são os primeiros lugares onde as crianças recebem educação”, declarou.

A estudante Francilene Silva Neves, 15, está no ensino médio e pretende ser médica. Seu pai, o senhor José da Silva Neves, 57, é quem a leva para a escola e a incentiva a estudar. “A gente não tem ninguém formado na família e o que eu puder fazer para ela ter uma profissão no futuro eu faço. Quando ela for fazer a formatura, eu até arrumo outro serviço para conseguir pagar para ela”, disse.
 
 
     
  08/08/2016
Até breve, Canudos!

28/07/2016
Realizando sonhos

28/07/2016
Novas experiências

28/07/2016
Era uma vez, um lugarzinho!

28/07/2016
Um novo olhar ao ser humano

28/07/2016
Sentido e gratidão à vida

22/07/2016
Pagamento em sorrisos

22/07/2016
Coração nordestino

22/07/2016
Encontro precioso

22/07/2016
Modificando vidas

22/07/2016
O amor em um lugar mágico

21/07/2016
Gratidão por uma experiência surreal!

21/07/2016
Mares da saudade

21/07/2016
O projeto canudos é mágico!

21/07/2016
Canudos Velho: Muito a mostrar e ensinar

20/07/2016
Intensa vivência

19/07/2016
Crescimento humano e profissional

19/07/2016
Dias inesquecíveis

19/07/2016
A Canudos, velha em mim

19/07/2016
Aí, Canudos!

19/07/2016
Até breve, Canudos Velho

18/07/2016
Detalhes que ficarão na lembrança

15/07/2016
Crescimento pessoal e aprendizado inesquecível

15/07/2016
A magia de Canudos

12/07/2016
A casa do céu mágico

12/07/2016
Experiência transformadora

12/07/2016
Coração repleto de gratidão

12/07/2016
Gostinho de quero mais

12/08/2015
O retorno cheio de saudades do sertão

10/08/2015
A saudade do sertão no cinza de São Paulo

10/08/2015
Canudos, a nova cidade maravilhosa

05/08/2015
Um lugar onde o tempo passa de outra forma

04/08/2015
Inexplicável a recepção e o carinho de todos de Canudos Velho, me senti “em casa”.

20/07/2015
Preparado para os próximos projetos

20/07/2015
Lugar que nunca será esquecido

15/07/2015
Em busca de sentimentos e explicações

14/07/2015
Surpreendido com a rica cultura canudense

13/07/2015
Uma caminhada à realização profissional

13/07/2015
O Brasil ganhou uma nova sertaneja

17/07/2014
Pessoas especiais

16/07/2014
Nem o mesmo açude, nem a mesma pessoa

14/07/2014
O carisma de Canudos

14/07/2014
Recalculando rota

14/07/2014
O difícil adeus

10/07/2014
Satisfação

10/07/2014
Mistura de sentimentos

09/07/2014
A paixão pelo sertão nordestino

09/07/2014
A viagem inesquecível

09/07/2014
Aprendizado para todos

09/07/2014
Privilégios

08/07/2014
O sentimento da despedida

07/07/2014
Experiência que transforma

07/07/2014
Nova família e novos amigos

07/07/2014
Registros

07/07/2014
Turbilhão de sensações

06/07/2014
Evoluções que superam as dificuldades

06/07/2014
Canudos: paixão à primeira reunião

06/07/2014
Projeto de extensão como agente transformador

06/07/2014
Quando as prioridades mudam

06/07/2014
Projeto de extensão transformador

05/07/2014
De coração e mente abertos

05/07/2014
Descoberta do autoconhecimento

05/07/2014
Canudos também é minha casa

05/07/2014
Aprendizado mútuo

04/07/2014
Acolher sempre

04/07/2014
A vontade de querer fazer sempre mais

04/07/2014
Faça tudo o que puder

04/07/2014
A certeza de estar caminho certo

04/07/2014
Asas à imaginação

04/07/2014
Valor as coisas simples

04/07/2014
A segunda vez é ainda mais especial

04/07/2014
Compreender o outro em sua diferença

03/07/2014
Dever cumprido

03/07/2014
Ajudar quem precisa é a forma de abrir nossos olhos para a felicidade

03/07/2014
Como se fosse a primeira vez

01/07/2014
Conhecer o Brasil pode ser a melhor experiência de sua vida

01/07/2014
Minha experiência em Canudos

27/06/2014
Projeto Canudos: desenvolvimento humano no sertão da Bahia

01/08/2013
Vida sertaneja

25/07/2013
Luz, câmera, Canudos!

22/07/2013
A falta que tudo faz

18/07/2013
Experiências e existências

11/07/2013
Pedacinhos de Canudos

11/07/2013
Fotografia

11/07/2013
O tempo

11/07/2013
Pela segunda vez

10/07/2013
Projeto Canudos hoje lembrado com saudades

09/07/2013
Fazenda Chora Menino: despertando para a realidade

09/07/2013
Para além do atendimento médico

04/07/2013
Dos momentos mais marcantes

03/07/2013
Sertão baiano visto por um clique

03/07/2013
Uma grande lição

03/07/2013
Diversão canudense

28/06/2013
Mainha postiça, saudade contida

28/06/2013
Da sala de aula para a realidade de Canudos

28/06/2013
Janela

27/06/2013
Projeto Canudos: a extensão com o pé no sertão

27/07/2012
Um longo caminho para a Educação

17/07/2012
Sem contar com serviço de coleta, o lixo vira cinzas em Canudos Velho

13/07/2012
Isolados no sertão baiano

11/07/2012
O que comem os canudenses

11/07/2012
O pão de cada dia vem do açude

10/07/2012
Missão Canudos

10/07/2012
Trabalho, banho de água fria e festa

10/07/2012
Rola a bola em Canudos Velho

10/07/2012
Para todo mal há cura

10/07/2012
Estica e puxa